Cães farejam cheiro de jovem que sumiu após abordagem policial

Cães farejadores da Polícia Civil de São Paulo encontraram em uma mata da cidade de Jarinu (SP) vestígios da passagem pelo local do jovem Carlos Eduardo dos Santos Nascimento (imagem em destaque), de 20 anos, que sumiu no último dia 27 de dezembro após uma abordagem policial. O local fica a 35 km do bar onde Carlos Eduardo foi visto pela última vez. Segundo testemunhas, ele e quatro amigos foram abordados e revistados por uma equipe de policiais militares, mas apenas o jovem – que era o único negro no grupo – foi levado em uma viatura e nunca mais foi visto.

“Há indícios [da passagem dele pelo local]. Encontraram o cheiro da roupa de Carlos Eduardo na mata, mas não encontraram o corpo. A Corregedoria está em cima da história e eu também estou acompanhando”, disse ao UOL o ouvidor das polícias de São Paulo, Benedito Mariano, sobre o caso.

A Corregedoria da PMSP identificou a equipe que fazia rondas na área no momento do desaparecimento e investiga três policiais, que foram afastados dos serviços de rua. Eles teriam registrado internamente apenas as abordagens aos amigos de Carlos Eduardo e negam relação com seu desaparecimento.

Represálias
O Ministério Público de São Paulo também acompanha as buscas e as investigações.

Os amigos do jovem desaparecido deixaram a região com medo de represálias, segundo relatos da imprensa paulista.

“A procura continua, todos os dias”, disse o pai de Carlos Eduardo, o mecânico Eduardo Aparecido do Nascimento, 50. (Com informações do Brasil de Fato)

O post Cães farejam cheiro de jovem que sumiu após abordagem policial apareceu primeiro em Metrópoles.

Ver fonte
Autor: Raphael Veleda