Jovem liga para emergência e é espancado até a morte pela polícia

O jovem Tawon Boyd morreu na quarta-feira (04/12/2019) após ser agredido por policiais e ficar internado em um hospital de Baltimore, nos Estados Unidos. De acordo com o jornal Extra, o rapaz de 21 anos teria ligado para a emergência por se sentir mal. A polícia, contudo, o espancou.

Os agentes teriam usado força extrema para conter Tawon, que estaria desorientado. Segundo a advogada Latoya Francis-Williams, representante da família da vítima, o rapaz queria ser levado ao hospital porque enfrentava uma crise repentina.

Os policiais que atenderam a ocorrência, porém, relataram ter encontrado o jovem desorientado; ele teria pedido aos oficiais que entrassem em sua casa porque a namorado o teria intoxicado.

De acordo com relato da polícia, o jovem teria tentado subir em uma viatura. Testemunhas, no entanto, revelaram que os agentes o agrediram com socos e o jogaram no chão brutalmente.

Os seguranças ainda teriam sufocado Tawon, que pediu para que eles parassem a ação porque não conseguia respirar. “Uma testemunha descreveu que pouco depois de ela ter gritado ‘pare’ [para os policiais], Boyd espumou pela boca e seu corpo ficou mole”, disse Latoya.

A vítima permaneceu no CTI por três dias, até vir a óbito. Ele teria um inchaço no cérebro, além de líquido nos pulmões.

O post Jovem liga para emergência e é espancado até a morte pela polícia apareceu primeiro em Metrópoles.

Ver fonte
Autor: Saullo Brenner